set
12
2013

Se a canoa não virar…

Quem nunca teve vontade de fazer um cruzeiro, ou velejar sem destino, ou viajar pelos sete mares, ou simplesmente participar de uma festa num barco? Pois digo que a última opção é bem possível e foi o que fiz esses dias com um grupo de amigas no Rio de Janeiro. O passeio saiu da Urca e foi até as Ilhas Cagarras (onde a água é limpíssima, acredite).

Claro que o barco estava longe de ser um belíssimo iate, estava mais para o barquinho do Popeye, mas foi uma experiência incrível. E claro que a experiência incrível só pôde ser sentida após a ingestão da metade de um Dramin (que inclusive vale como dica) e depois de me acostumar com o indo e vindo infinito das ondas. Mas depois disso, meu bem, éramos só nós, o mar, as gaivotas, o churrasco e a cerveja.

Passeio de barco até as Ilhas Cagarras, no Rio de Janeiro

Outra dica: vá quando o vento não estiver por volta dos 30 km por hora. Quanto menos vento, menos enjoo, mais calor e mais vontade de pular no mar para um mergulho. Roupas adequadas para isso é claro, são roupas de banho. Não se esqueça de um bom chapéu ou boné, protetor solar (imprescindível), um casaquinho para caso sinta frio por causa da brisa em alto mar, disposição e alegria.

Passeio de barco, Urca, Rio de Janeiro

Como fazer?

A maioria das cidades que tem mar ou rio tem pescadores, certo? E muitos deles estão se especializando em alugar os barcos para grupos que querem pescar, passear ou mesmo fazer festa, como foi nosso caso.

Para agendar o dia é bom ir até o cais, conversar com o proprietário, ver as condições do barco e do tempo, se tem salva-vidas para todos, qual a capacidade do barco, se ele oferece pacote fechado com comida e bebida ou se isso é de sua responsabilidade… Feito isso, vá e divirta-se. Prometo que vale a pena!

Posts Relacionados

Sobre o autor: Débora Bordin

Tenho mais (bem mais) de 30, sou jornalista (diplomada), radialista, blogueira, especialista em comunicação empresarial e de turismo sustentável, sagitariana, corintiana, matucha-pantaneira-carioca e turista. Apesar de tudo isso, uma boa moça.

1 Comentário+ Comentar

  • He leido vuestro post con mucha atecion y me ha parecido ameno ademas de facil de leer. No dejeis de cuidar este blog es bueno.
    Saludos

Leave a comment to casa rural rioja